Coluna de Fogo

... e de noite numa coluna de fogo para os iluminar...

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Nívia Pruchó canta "Em Fervente Oração", da Harpa Cristã

E-mail Imprimir PDF

Nívia Pruchó ministrou a antiga canção "Em Fervente Oração", da Harpa Cristã, no Culto de Oração da Primeira Igreja Batista em Jardim Novo Realengo.

 

Cantora: Nívia Pruchó

Participações: Erasmo Romão no teclado e Natanael na bateria

Música: Em Fervente Oração

Primeira Igreja Batista em Jardim Novo Realengo - RJ


Inscreva-se no nosso Canal:

https://www.youtube.com/c/ColunadeFogo

Curta nossas Fanpages:

https://www.facebook.com/niviapruchopage

https://www.facebook.com/ColunadeFogoPage

 

Adicionar comentário

Seu apelido/nome:
seu email:
Assunto:
Comentário:

Curta o Coluna de Fogo e compartilhe nosso conteúdo

Centelha Diária

Gênesis 6.7-8

E disse o Senhor: Destruirei o homem que criei de sobre a face da terra, desde o homem até ao animal, até ao réptil, e até à ave dos céus; porque me arrependo de os haver feito. Noé, porém, achou graça aos olhos do Senhor.

Diante de toda a depravação da humanidade e da justa vontade de Deus em destruir toda a criação, havia um homem que fez a diferença. Um homem íntegro, verdadeiramente justo e temente ao Senhor. Deus olhou para Noé e, em outras palavras, disse: 'Menos esse'.

E aí? Se Deus resolvesse destruir o mundo hoje? Será que Ele olharia pra mim ou pra você como a exceção? Será que Deus nos daria um bizu do que iria acontecer e nos mandaria construir alguma coisa para proteção? Ele ao menos avisaria da chuva? Será que alguém hoje escaparia das águas? Resumindo, a questão é: Após uma fúria hídrica de Deus, eu terminaria um patriarca enxuto ou um cadáver molhado?

Menu Musical

Quem está online

Nós temos 73 visitantes online

Visitantes

3284231
HojeHoje1671
OntemOntem1932
Nesta SemanaNesta Semana9708
Neste MêsNeste Mês63510
TotalTotal3284231

Últimas Atualizações

Livros que estamos lendo


Enquete

Guardar lugar na fila do mercado é:
 

Salvação